Madrugada, introspecção e escrita.

Choveu durante a tarde. Caí no sono enquanto assistia à algum filme e acordei com um temporal. Passei o dia com meu irmão. Conversei com minha avó. Ontem jantei com quatro mulheres inspiradoras da minha família. Estou fazendo uma maratona de filmes pro Oscar. A trilha sonora de La la land é maravilhosa. O tumblr está cheio de coisas reconfortantes. Tenho começado a entender a mágica da arte de Van Gogh – e me apaixonar por cada uma das suas pinturas me traz, todos os dias, uma vibração inédita.

São dessas pequenas coisas que minha mente tem tirado conforto e por isso citá-las me pareceu uma boa maneira de começar esse texto. Agora testemunhem outra tentativa minha de, estando em mais uma das minhas malditas crises, escrever mais, colocar sentimentos nas palavras e concretizar os planos que faço pra mim mesma, nem que seja começando por algo socialmente inútil e auto-centrado como manter o blog.tumblr_obv8mnevvc1qhairto1_400

Acredito que é importante falar um pouco sobre as madrugadas. As madrugadas me confortam: eu estou sozinha, tenho silêncio, posso baixar minha guarda. E as madrugadas me perturbam, pois passar por ela de olhos fechados tem se tornado impossível. Já estudei o teto do meu quarto mais do que gostaria. Meus sonhos gritam dentro da minha cabeça nessa hora do dia, eu quero mais, mas não sei ao certo o que, e eu encaro essa versão distorcida de mim mesma que me tornei. Eu espero pela madrugada e a temo.

Há algo que com certeza está associado à minha relação com o momento mais silencioso do dia: a introspecção. Ela sempre esteve aqui, sempre gostei de ter um momento reservado pra calmaria. Há meses, tenho recusado frequentemente situações sociais que sempre gostei, pelo simples fato de precisar ficar sozinha. Precisar pensar, precisar respirar. Eu sei quando devo me respeitar, mas tenho sido tomada pela sensação de distância em relação às pessoas e pela ansiedade quando estou prestes a encontrá-las. Ando esfomeada de novas experiências, de movimento e de crescimento prático e intelectual, mas alcançar tudo isso me parece tão difícil como atravessar o Mar Vermelho.

E, por fim, volto a falar sobre a escrita. Já fui alguém que sonhava em fazer arte, respirá-la, mas acabei esquecendo disso. Existe alguma parte de mim que ficou pra trás e talvez a escrita me ajude a recuperá-la. Recuperar aspiração, (re)descobrir paixões e adquirir disciplina. Basicamente, condicionar-me a ser menos desgraçada da cabeça e suportar meu coração quase sempre pesado.

tumblr_njj564kzkx1rluko6o1_540

  • textinho escrito ontem (adivinhem, de madrugada). ajeitei hoje e não quis mudar o tempo, assim tá mais sincero. é isso – eu não sei terminar post.
Anúncios

9 comentários

  1. Use e abuse da escrita Isa. Escrever é uma arte, ser arte é ser a escrita. Todos somos encabulados, perdidos, quase sempre como bloco de notas. É notável que saibamos lidar com esses precedimentos. Não há nada mais tóxico que vencer o próprio silêncio. Arranje o tempinho e deixe que isso faça parte de você, sem se tornar uma obrigação. E o que falar sobre a madrugada… o melhor horário para ser quem somos, o melhor horário para libertar ideais 😉

    Curtido por 1 pessoa

  2. Fazia um tempo que eu não vinha pra cá, tá tudo meio mudado, ta lindo! Te desejo muita força pra passar por esse momento, essas fases da vida não são fáceis né? Essas coisas bobas e simples são o que me confortam também, às vzs os únicos motivinhos que tenho pra sair da cama… Aproveita pra escrever bastante e colocar tudo pra fora de todas as maneiras possíveis! Se precisar conversar, eu to por aqui viu?

    Curtido por 1 pessoa

  3. Isa não consigo não me identificar com cada um de seus textos, esse é mais um deles, muito lindo! Você também tem medo de se afastar da arte? Porque eu vivo com ele rsrsrs, acho que por isso me apeguei tanto e escrever e você escrever vai te ajudar a passar por esse momento, tenho certeza 🙂

    Curtido por 1 pessoa

  4. amei seu texto, há um tempo atrás tinhas essas mesmas sensações e desconfortos. O blog e escrever coisas aleatórias que ninguém irá ler tb me ajudou muito, é sempre bom desabafar e por pra fora esse mar de angústia! vc escreve super bem! continue sempre!

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s